Gil Heitor Cortesão, ‘Untitled’, Veritas