Yutaka Toyota, ‘Espaço Invisível (見えない空間)’, 2002, Arte Fundamental